Pesquisa personalizada

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

"Eu gostaria de saber pintar" 8


Pintura de Álvaro Cunhal, dos projectos "Eu gostaria de saber pintar", projecto 8.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Barack Obama e o prémio Nobel da Guerra em nome da Paz

Hoje recebeu o prémio Nobel da Paz, Barack Obama, Presidente dos EUA, na declaração que fez no momento de receber o prémio disse qualquer coisa parecida com: às vezes é preciso fazer a guerra para conseguir a Paz.
Há uns anos atrás outro Nobel da Paz, Mahatma Gadhi, disse "Não existe um caminho para a Paz, a Paz é o caminho!"
A diferença entre os dois é clara! As declarações de Obama são bélicas, enquanto as de Gandhi são de um pacifista.
As declarações de Obama terão agradado aos lobbies da indústria de armamento.
O academia do Nobel ou alterou os critérios de atribuição do prémio Nobel da Paz ou prepara-se para mudar o nome do prémio para prémio Nobel da Guerra em nome da Paz!

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

"Biko"

"September '77
Port Elizabeth weather fine
It was business as usual
In police room 619
Oh Biko, Biko, because Biko
Oh Biko, Biko, because Biko
Yihla Moja, Yihla Moja
-The man is dead

When I try to sleep at night
I can only dream in red
The outside world is black and white
With only one colour dead
Oh Biko, Biko, because Biko
Oh Biko, Biko, because Biko
Yihla Moja, Yihla Moja
-The man is dead

You can blow out a candle
But you can't blow out a fire
Once the flames begin to catch
The wind will blow it higher
Oh Biko, Biko, because Biko
Yihla Moja, Yihla Moja
-The man is dead

And the eyes of the world are
watching now
watching now"

Peter Gabriel


video

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

A Maligna natureza do senhor

"(...) Quem é pelo senhor, junte-se a mim. Todos os da tribo de levi se juntaram a ele, e moisés proclamou, Eis o que diz o senhor, deus de israel, pegue cada um numa espada, regressem ao acampamento e vão de porta em porta, matando cada um de vós o irmão, o amigo, o vizinho. E foi assim que morreram cerca de três mil homens. O sangue corria entre as tendas como uma inundação que brotasse do interior da própria terra, como se ela própria estivesse a sangrar, os corpos degolados, esventrados, rachados de meio a meio, jaziam por toda a parte, os gritos das mulheres e crianças eram tais que deviam chegar ao cimo do monte sinai onde o senhor se estaria regozijando com a sua vingança. Caim mal podia acreditar no que os seus olhos viam. não bastavam sodoma e gomorra arrasadas pelo fogo, aqui, no sopé do monte sinai, ficara patente a prova irrefutável da profunda maldade do senhor, três mil homens mortos só porque ele tinha ficado irritado com a invenção de um suposto rival em figura de bezerro, Eu não fiz mais que matar um irmão e o senhor castigou-me, quero ver agora quem vai castigar o senhor por estas mortes, pensou caim, e logo continuou, Lúcifer sabia bem o que fazia quando se rebelou contra deus, há quem diga que o fez por inveja e não é certo, o que ele conhecia era a maligna natureza do sujeito. (...)"

Excerto de "Caim" de José Saramago